Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




“Saber esperar é uma virtude!” – onde é que já não ouvimos esta expressão ou, melhor ainda, quem é que ainda não a disse ao seu filho ou ao seu aluno? Não há dúvida, e penso que concordarão comigo, que esta é uma aprendizagem fundamental na vida das nossas crianças. Compreender e interiorizar a noção de que podemos fazer muitas coisas, mas que, por vezes, nem tudo é possível, pelo menos da maneira como queremos. É um conceito bastante importante e necessário que deve ser introduzido no quotidiano das crianças logo desde muito cedo.

 

As frustrações também devem fazer parte desta aprendizagem. As crianças que se confrontam com algumas deceções na sua infância, ou até mesmo na adolescência, são adultos capazes de lidar com as advertências da vida, capazes de dar a volta por cima, adultos que não cruzam os braços.

 

 

 

  Mas e então, podem estar vocês a perguntar, quando é que podemos dizer Sim e quando é que devemos dizer Não? O “Sim” devemos dizer sempre que for possível, sabe bem dizer sim, as crianças e os jovens ficam felizes e por consequência nós também. O “Não” sempre que for necessário, sempre que houver um motivo ou uma razão concreta. 

 

É importante e fundamental que a criança compreenda que as regras existem porque fazem sentido que existam, ou seja, que percebam que as regras foram criadas para proteger a sua vida e ajudar a desenvolver e a construir relações sociais – viver em comunidade.

Educar uma criança é, de facto, um processo bastante desafiador e com situações por vezes inesperadas, no entanto devemos aproveitar ao máximo todos os momentos, pois é a melhor via a fim de conseguirmos alcançar os nossos objetivos: garantir o bem estar, orientar e proteger as nossas crianças.

 

Ensinar a “saber esperar” não é, de todo, uma tarefa fácil, mas lembrem-se que não é impossível e que o importante é não desistir – a pouco a pouco aprendem a ter paciência e mais tarde descobrirão porque é que é “Saber esperar é uma virtude!”…

 

Márcia Fidalgo

Professora de 1º Ciclo e Educação Especial

www.centrosermais.com | www.facebook.com/centrosermais

Autoria e outros dados (tags, etc)







O Ser Mais

foto do autor


logopumpkin